A estrada até agora: "Desde quando nós temos o que merecemos?" - Review - Supernatural: Temporada final, até episódio 15x08


"Desde quando nós temos o que merecemos?" é, infelizmente, uma frase que resume a vida dos irmãos Winchester durante essa longa estrada de 15 anos em que eles já perderam pai, mãe, e os perderam de novo, e amigos, e toda e qualquer chance de inocência, obviamente, há muito foi perdida. O post da Cat falando sobre a Esperança me lembrou de uma outra frase de Sandman no inferno, quando ele diz: "O que seria dos habitantes do inferno, se eles não pudessem sonhar com o Paraíso?" Se em Sandman, Morpheus esteve aprisionado, Lúcifer abandonou o Inferno, entre outras coisas, em Supernatural, que bebe, segundo seu próprio criador, das águas oníricas da obra de Neil Gaiman, podemos dizer que o buraco foi bem mais embaixo. 

Chuck, ou Deus, revelou-se um ser egocêntrico e manipulador que só quer se divertir fazendo os Winchester sofrerem. Parece, na verdade, mais uma criancinha mimada que perdeu a chupeta e agora está descontando sua ira em tudo e em todos, criando histórias ruins e clichês, porque, na verdade, ele não é um bom escritor. Afinal, convenhamos, ele gostou mesmo do final de Game of Thrones?

Chegou em um ponto da série, beirando o final da jornada, em que não tem nem mais como sentir empatia por ele. Boas foram as surpresas de Rowena como Grande Rainha do Inferno, Sam dando uma de bruxo e trazendo a querida Eileen de volta, Michael final e literalmente vendo seu "Pai/Deus" como ele realmente é, um ser mesquinho, egocêntrico e, convenhamos, um chato.  

Michael do Mundo Pós-Apocalíptico

"Eu nem sou o único Michael!"

Adam / Michael

 Finalmente vimos Dean cantando decentemente, e tivemos uma referência àquela cena pós-créditos em que ele faz lipsync de The Eye of the Tiger. Para logo depois ver seu antigo amigo se mostrar um monstro, mas um monstro humano, que nem lá no comecinho da série com a família Benders. 

Com o último episódio que foi ao ar se chamando Our Father Who Aren't in Heaven (Pai Nosso que Não Estais no Céu), em que Chuck/Deus convoca Eileen e Sam para o que possivelmente seja uma armadilha, e o título do episódio 15x09, que irá ao ar em 17 de janeiro de 2020, sendo The Trap (A Armadilha), obviamente que dá para ficar com o coração na mão de medo pelos irmãos e seus amores e amigos. Mas vamos torcer para que Cas e Dean e/ou outros prováveis ou improváveis aliados simplesmente peguem é o coração desse "Deus" maldito (se é que ele tem um) e façam picadinho dele para dar para algum cão infernal se alimentar. Porque mesmo hellhounds precisam comer. 
E que assim seja!

Comentários