Review: Supernatural - 15x09 - The Trap (E que armadilha!)

Depois deste longo e tenebroso hiatus, Supernatural está de volta. E assistir a esse episódio foi doloroso demais. Como diria Morrisey, it's too close to home and it's too near the bone (algo como, é perto demais da gente e é perto demais de nossos próprios seres) e, bem, that joke isn't funny anymore (essa piada já não é mais divertida).  Sim, Supernatural tem episódios divertidíssimos. Mas essa fase final não fala conosco somente em termos de sermos fãs e sofrermos por nossos "entes queridos", ela vai mais a fundo, gerando reflexões e dores que tocam demais em feridas reais. 

Muitos de nós nos sentimos manipulados no dia a dia, seja por falsos amigos, sejam abandonados por Deus para quem é religioso (o que não é o meu caso), mas o pior de tudo é quando até mesmo aquilo de que tanto eu quanto a Cat já falamos em posts aqui (eu linko lá embaixo) morre: A ESPERANÇA. E, dessa vez, "Deus" foi longe demais. Até quando se pode humilhar e desgraçar as pessoas para seu bel prazer? Até quando é aceitável destruir um ser humano para se dar bem? Na minha opinião, NUNCA, JAMAIS. 



Um momento extremamente tocante: em que Dean finalmente assume seus erros, perdoando Cass, e a reação desse lindo! Supernatural é emocional demais. São 15 anos amando e odiando essa série e nossos entes queridos e isso me faz novamente me lembrar de Sandman e, socorro, é tanta dor. Tenho medo, mas anseio por um bom final de temporada e da série. Porque eu não perdi a esperança. Não ainda.  



Então, este foi um episódio maravilhoso, embora extremamente doloroso de se ver. Ando tão sem mais lágrimas para chorar, mas perto do final, não aguentei. Doeu demais. Até que vem aquela, a Morte, e ela, ao final do episódio, nos traz justamente aquilo que Deus tirou de Sam: A ESPERANÇA.

E quem venham os próximos episódios. Nunca estarei preparada para o final dessa série, mas, segunda a piada interna de que Chuck gostou do final horrível de Game of Thrones, espero algo digno, e não, bem... aquilo.



Comentários

Postagens mais visitadas